Apostilas para concursos 2018

38.349 Questões

36.787 vagas em concursos

 

 

Quinta-Feira, 22 de Fevereiro de 2018.

CESGRANRIO | Níveis Médio e Superior de Escolaridade

» Petrobras Transporte S.A (Transpetro) abre concurso para 1.806 vagas

 

COPESE/TO | Níveis Fundamental, Médio e Superior

» Câmara Municipal de Palmas (TO) abre concurso para 44 vagas

CESPE UnB | Níveis Médio e Superior

» Agência Brasileira de Inteligência (ABIN) abre concurso para 300 vagas

VUNESP | Nível Médio

» Prefeitura de São José dos Campos (SP) abre concurso para 50 vagas

 

Concursos da Vunesp

CESGRANRIO | Níveis Médio e Superior| Salários de até R$ 10.726,45

» Petrobras abre concurso para 666 vagas mais cadastro reserva

 

Material de estudo para concursos

 

Enem teoria e exercícios

 

Exame Nacional de Ensino Médio (ENEM)-EXAME NACIONAL DE ENSINO MÉDIO - ENEM ( 4 Volumes )
Exame Nacional de Ensino Médio (ENEM)
EXAME NACIONAL DE ENSINO MÉDIO - ENEM ( 4 Volumes )

 

Material de estudo para concursos

 

Enem teoria e exercícios

 

Exame Nacional de Ensino Médio (ENEM)-EXAME NACIONAL DE ENSINO MÉDIO - ENEM ( 4 Volumes )
Exame Nacional de Ensino Médio (ENEM)
EXAME NACIONAL DE ENSINO MÉDIO - ENEM ( 4 Volumes )

 

 

 

 

Questões de Contabilidade Pública 2018

 

 

Questões para Praticar

 

» Para um melhor aproveitamento - resolva as questões - anote sua altenativa e depois confira os gabaritos.

» Para interagir com as questões - utilize - FireFox ou Chrome.

 

 

 

Se você está procurando uma grande oportunidade, descubra um grande problema.

Martinho Lutero

 

 

 

Ano: 2018 FUNDATEC    Defensoria Pública do Estado de Santa Catarina (DPE SC) Nível Médio  Prova: Técnico Administrativo  Contabilidade Pública Ingressos e Dispêndios Públicos, Créditos Orçamentários e Adicionais

 

prancheta

 

 

 


Q37996


 

O orçamento anual pode ser alterado por meio de créditos adicionais, ou seja, autorizações de despesas não computadas ou insuficientemente dotadas na Lei Orçamentária. Nos termos da Lei nº 4.320/1964, os créditos adicionais são classificados em suplementares, especiais e extraordinários, para serem utilizados nas situações que a referida Lei especifica. Em relação a isso, é correto afirmar que:

 

a)  Especiais, são os destinados a despesas para as quais não haja dotação orçamentária específica. 

 

 

b)  Extraordinários, são os destinados a reforço de dotação orçamentária.

 

 

c)  Suplementares, são os destinados a despesas urgentes e imprevistas, em caso de guerra, comoção intestina ou calamidade pública.

 

 

d)  Especiais, são os destinados a reforço de dotação orçamentária.

 

 

e)  Suplementares, são os destinados a despesas para as quais não haja dotação orçamentária específica.

 

 

resolver    |     Comente a questão no final dessa página:

 

 

 

Ano: 2018 FUNDATEC    Defensoria Pública do Estado de Santa Catarina (DPE SC) Nível Médio  Prova: Técnico Administrativo  Contabilidade Pública

 

prancheta

 

 

 


Q37995


 

Relacione as expressões da Coluna 1 com as respectivas definições da Coluna 2, de acordo com as Normas Brasileiras de Contabilidade Aplicadas ao Setor Público, que tratam da avaliação e mensuração de ativos e passivos em entidades do setor público.



Coluna 1

1. Mensuração.

2. Reavaliação.

3. Valor de aquisição.

4. Valor líquido contábil.

5. Valor realizável líquido.

Coluna 2

( ) Adoção do valor de mercado ou de consenso entre as partes para bens do ativo.

( ) Constatação de valor monetário para itens do ativo e do passivo decorrente da aplicação de procedimentos técnicos suportados em análises qualitativas e quantitativas.

( ) Quantia que a entidade do setor público espera obter com a alienação ou a utilização de itens de inventário quando deduzidos os gastos estimados para seu acabamento, alienação ou utilização.

( ) Soma do preço de compra de um bem com os gastos suportados direta ou indiretamente para colocá-lo em condição de uso.

( ) Valor do bem registrado na contabilidade, em determinada data, deduzido da correspondente depreciação, amortização ou exaustão acumulada.

A ordem correta de preenchimento dos parênteses, de cima para baixo, é:

 

a)  1 – 2 – 5 – 3 – 4.

 

 

b)  2 – 1 – 5 – 3 – 4.

 

 

c)  3 – 1 – 2 – 4 – 5.

 

 

d)  4 – 3 – 1 – 2 – 5.

 

 

e)  5 – 4 – 1 – 2 – 3.

 

 

resolver    |     Comente a questão no final dessa página:

 

 

 

Ano: 2018 FUNDATEC    Defensoria Pública do Estado de Santa Catarina (DPE SC) Nível Médio  Prova: Técnico Administrativo  Contabilidade Pública Balanço Patrimonial - BP, Demonstrações Contábeis

 

prancheta

 

 

 


Q37994


 

Para responder a esta questão, considere o que dispõe a Lei nº 4.320/1964 sobre Balanço Patrimonial, inclusive seu Anexo XIV, e leve em conta os saldos descritos na tabela abaixo. 

 questões de concursos Defensoria Pública do Estado de Santa Catarina (DPE SC) 2018

A situação líquida patrimonial é um:

 

a)  Ativo Real Líquido de R$ 1.000,00.

 

 

b)  Ativo Real Líquido de R$ 1.500,00.

 

 

c)  Ativo Real Líquido de R$ 11.000,00.

 

 

d)  Passivo Real Descoberto de R$ 500,00.

 

 

e)  Passivo Real Descoberto de R$ 9.000,00.

 

 

resolver    |     Comente a questão no final dessa página:

 

 

 

Ano: 2018 FUNDATEC    Defensoria Pública do Estado de Santa Catarina (DPE SC) Nível Médio  Prova: Técnico Administrativo  Contabilidade Pública Ingressos e Dispêndios Públicos, Classificação da Despesa Orçamentária

 

prancheta

 

 

 


Q37993


 

Levando em consideração o conceito de despesa orçamentária expresso na normatização pertinente, assinale a alternativa correta.

 

a)  O desembolso de recurso para atender a situação urgente e não prevista na lei do orçamento anual, como, por exemplo, consertar o telhado destruído por um tornado que tenha atingido o prédio da Defensoria Pública, não constitui despesa orçamentária.

 

 

b)  O resgate de uma operação de crédito realizada na modalidade de ARO – Antecipação de Receita Orçamentária – é um exemplo de despesa orçamentária.

 

 

c)  O pagamento de despesas pequenas de pronto pagamento, como, por exemplo, a despesa de táxi de um servidor, por meio do regime de adiantamento, é uma despesa orçamentária.

 

 

d)  As despesas em geral, decorrentes de calamidades públicas, empenhadas no próprio exercício que são liquidadas e pagas não se consideram despesas orçamentárias.

 

 

e)  Somente as despesas liquidadas e pagas dentro do exercício em que foram empenhadas são classificadas como orçamentárias.

 

 

resolver    |     Comente a questão no final dessa página:

 

 

 

Ano: 2018 FUNDEP    Tribunal de Contas do Estado de Minas Gerais (TCE MG) Nível Superior  Prova: Auditor - Conselheiro Substituto  Contabilidade Pública Mensuração e Avaliação de Itens Patrimoniais, Procedimentos Contábeis Patrimoniais

 

prancheta

 

 

 


Q37790


 

Analise as afirmativas a seguir relativas à avaliação e mensuração de ativos e passivos em entidades do setor público, tomando por base a NBC T 16.10.

I. As participações em empresas sobre cuja administração se tenha influência significativa devem ser mensuradas ou avaliadas pelo método da equivalência patrimonial. Para as demais participações, deve ser empregado o método do custo de aquisição.

II. Os gastos posteriores à aquisição do ativo imobilizado devem ser incorporados ao seu valor quando houver possibilidade de geração de benefícios econômicos futuros ou potenciais de serviços.

III. Os direitos que tenham por objeto bens incorpóreos destinados à manutenção da atividade pública ou exercidos com essa finalidade são mensurados ou avaliados com base no valor de aquisição ou de produção.

IV. As reavaliações devem ser feitas utilizando-se o valor justo ou o valor de mercado na data de encerramento do Balanço Patrimonial, pelo menos a cada dois anos para as contas cujos valores de mercado variarem significativamente.

Estão corretas as afirmativas: 

 

a)  I e II, apenas.

 

 

b)  II e III, apenas.

 

 

c)  I e III, apenas.

 

 

d)  III e IV, apenas.

 

 

e)  I e IV, apenas.

 

 

resolver    |     Comente a questão no final dessa página:

 

 

 

Ano: 2018 FUNDEP    Tribunal de Contas do Estado de Minas Gerais (TCE MG) Nível Superior  Prova: Auditor - Conselheiro Substituto  Contabilidade Pública Demonstrações Contábeis, Demonstração de Fluxo de Caixa - DFC

 

prancheta

 

 

 


Q37789


 

A NBC T 16.6 (R1) estabelece as demonstrações contábeis a serem elaboradas e divulgadas pelas entidades do setor público.

Com relação aos objetivos, funções, estrutura e/ou conteúdos dessas demonstrações contábeis, assinale a alternativa CORRETA.

 

a)  A Demonstração dos Fluxos de Caixa permite aos usuários projetar cenários de fluxos futuros de caixa e elaborar análise sobre eventuais mudanças em torno da capacidade de manutenção do regular financiamento dos serviços públicos.

 

 

b)  A Demonstração das Mutações do Patrimônio Líquido evidencia a movimentação havida em cada componente do Patrimônio Líquido, incluindo as variações quantitativas decorrentes de transações que aumentam ou diminuem o patrimônio líquido.

 

 

c)  As notas explicativas incluem os critérios utilizados na elaboração das demonstrações contábeis, as informações de naturezas patrimonial, orçamentária, econômica, bem como o custo de oportunidade, não constantes nas referidas demonstrações.

 

 

d)  A Demonstração das Variações Patrimoniais evidencia o resultado econômico de ações do setor público, que são variações quantitativas decorrentes de transações das entidades que aumentam ou diminuem o resultado econômico apurado.

 

 

e)  O Balanço Financeiro evidencia as receitas e despesas orçamentárias, bem como a situação patrimonial, qualitativa e quantitativamente, conjugadas com os saldos de caixa do exercício anterior e os que se transferem para o início do exercício seguinte.

 

 

resolver    |     Comente a questão no final dessa página:

 

 

 

Ano: 2018 FUNDEP    Tribunal de Contas do Estado de Minas Gerais (TCE MG) Nível Superior  Prova: Auditor - Conselheiro Substituto  Contabilidade Pública Conceitos, objeto, abrangência e campo de aplicação, Contabilidade Pública - Noções Introdutórias

 

prancheta

 

 

 


Q37788


 

A Contabilidade Aplicada ao Setor Público (CASP) tem como objetivo fornecer informações aos seus diversos usuários, observando os seguintes aspectos, EXCETO:

 

a)  O objetivo das demonstrações contábeis das entidades do setor público é o fornecimento de informações úteis sobre a entidade que reporta a informação contábil, voltadas para fins de prestação de contas e responsabilização (accountability) e para subsidiar o processo de tomada de decisão.

 

 

b)  Ter informação contábil disponível mais rapidamente pode aprimorar a sua utilidade como insumo informacional para os processos de avaliação da prestação de contas e responsabilização (accountability) e a sua capacidade de informar e influenciar os processos decisórios das entidades do setor público.

 

 

c)  A informação contábil é material se a sua omissão ou distorção puder influenciar o cumprimento do dever de prestação de contas e responsabilização (accountability) ou influenciar as decisões que os usuários tomam com base nas demonstrações contábeis elaboradas pelas entidades do setor público para aquele exercício.

 

 

d)  Um dos objetivos do Plano de Contas Aplicado ao Setor Público é permitir a adequada prestação de contas e responsabilização (accountability), o levantamento das estatísticas de finanças públicas, a elaboração de relatórios nos padrões adotados por organismos internacionais, bem como o levantamento de outros relatórios úteis à gestão.

 

 

e)  A informação sobre a situação patrimonial da entidade, os fluxos de caixa e a conformidade com os orçamentos são necessários para o cumprimento do dever de prestação de contas e responsabilização (accountability), que não requerem informação sobre o desempenho da prestação dos serviços. 

 

 

resolver    |     Comente a questão no final dessa página:

 

 

 

Ano: 2018 FUNDEP    Tribunal de Contas do Estado de Minas Gerais (TCE MG) Nível Superior  Prova: Auditor - Conselheiro Substituto  Contabilidade Pública Anexo de Riscos Fiscais - ARF, Demonstrativos Fiscais

 

prancheta

 

 

 


Q37787


 

Com relação aos riscos fiscais, no âmbito da legislação vigente, assinale a alternativa INCORRETA

 

a)  Riscos fiscais podem ser conceituados como a possibilidade da ocorrência de eventos que venham a impactar negativamente as contas públicas, correspondendo, assim, aos riscos provenientes das obrigações financeiras do governo.

 

 

b)  Os riscos que são repetitivos deixam de ser riscos fiscais, devendo ser tratados no âmbito do planejamento, ou seja, devem ser incluídos como ações na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e na Lei Orçamentária Anual (LOA) do ente federativo. 

 

 

c)  Riscos fiscais são decorrentes de eventos resultantes da realização de ações não previstas no programa de trabalho para o exercício corrente e não fazem parte das metas de resultados previstas na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO).

 

 

d)  A Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) deve conter um anexo de riscos fiscais, no qual devem ser avaliados os passivos contingentes e outros riscos capazes de afetar as contas públicas e devem ser informadas as providências a serem tomadas, caso se concretizem.

 

 

e)  As ações e respectivas despesas para mitigar os efeitos de catástrofes naturais que têm sazonalidade conhecida devem ser previstas na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e na Lei Orçamentária Anual (LOA) do ente federativo afetado, e não devem ser tratadas como risco fiscal.

 

 

resolver    |     Comente a questão no final dessa página:

 

 

 

Ano: 2018 FUNDEP    Tribunal de Contas do Estado de Minas Gerais (TCE MG) Nível Superior  Prova: Auditor - Conselheiro Substituto  Contabilidade Pública Relatório de Gestão Fiscal - RGF, Demonstrativos Fiscais

 

prancheta

 

 

 


Q37786


 

O Relatório de Gestão Fiscal deve conter demonstrativos comparativos com os limites de que trata a Lei Complementar Nº 101/2000.

A esse respeito, numere a COLUNA II de acordo com a COLUNA I, fazendo a relação dos demonstrativos comparativos com os elementos que os integram, conforme prescrito na 7º Edição do Manual de demonstrativos fiscais: aplicado à União e aos estados, Distrito Federal e municípios.

COLUNA I

1. Despesa total com pessoal

2. Dívida consolidada

3. Concessão de garantias e contragarantias

4. Operações de crédito 

COLUNA II

( ) Valores relativos aos parcelamentos de dívidas e às operações de reestruturação e recomposição do principal de dívidas.

( ) Valores relativos a proventos devidos a dependentes de segurados após a morte deles.

( ) Valores relativos aos avais ou fianças em operações de crédito.

( ) Valores relativos a precatórios, passivo atuarial e insuficiências financeiras.

Assinale a sequência CORRETA.

 

a)  1 4 2 3 

 

 

b)  3 4 2 1

 

 

c)  3 2 4 1

 

 

d)  2 3 1 4

 

 

e)  4 1 3 2

 

 

resolver    |     Comente a questão no final dessa página:

 

 

 

Ano: 2017 CESPE UnB    Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco (TCE PE) Nível Superior  Prova: Conhecimentos Básicos - Cargos 1 e 2  Contabilidade Pública Classificação da Receita Orçamentária, Ingressos e Dispêndios Públicos

 

prancheta

 

 

 


Q37316


 

Julgue o seguinte item, relativo a conceitos, etapas e estágios das despesas e receitas públicas que devem ser considerados no âmbito do governo do estado de Pernambuco.

No estágio da previsão da receita orçamentária, é verificada a procedência do crédito fiscal.

 

(C) Certo

 

 

(E) Errado

 

 

resolver    |     Comente a questão no final dessa página:

 

 

 

Ano: 2017 CESPE UnB    Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco (TCE PE) Nível Superior  Prova: Conhecimentos Básicos - Cargos 1 e 2  Contabilidade Pública Ingressos e Dispêndios Públicos, Classificação da Despesa Orçamentária

 

prancheta

 

 

 


Q37315


 

Julgue o seguinte item, relativo a conceitos, etapas e estágios das despesas e receitas públicas que devem ser considerados no âmbito do governo do estado de Pernambuco.

Para ser efetivada, a despesa orçamentária depende de autorização legislativa na forma de consignação de dotação orçamentária.

 

(C) Certo

 

 

(E) Errado

 

 

resolver    |     Comente a questão no final dessa página:

 

 

 

Ano: 2017 CESPE UnB    Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco (TCE PE) Nível Superior  Prova: Conhecimentos Básicos - Cargos 1 e 2  Contabilidade Pública Plano de Contas Aplicado ao Setor Público - PCASP, Sistema Contábil

 

prancheta

 

 

 


Q37314


 

Julgue o próximo item, acerca da estrutura do plano de contas aplicado ao setor público (PCASP) e da consolidação das demonstrações contábeis.

Para garantir a consolidação das contas nacionais, o PCASP indica as contas obrigatórias e o nível de detalhamento mínimo a ser utilizado pelos entes da federação.

 

(C) Certo

 

 

(E) Errado

 

 

resolver    |     Comente a questão no final dessa página:

 

 

 

Ano: 2017 CESPE UnB    Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco (TCE PE) Nível Superior  Prova: Conhecimentos Básicos - Cargos 1 e 2  Contabilidade Pública Demonstrações Contábeis, Consolidação Nacional das Contas Públicas

 

prancheta

 

 

 


Q37313


 

Julgue o próximo item, acerca da estrutura do plano de contas aplicado ao setor público (PCASP) e da consolidação das demonstrações contábeis.

As participações nas empresas estatais dependentes devem ser incluídas na elaboração das demonstrações contábeis consolidadas.

 

(C) Certo

 

 

(E) Errado

 

 

resolver    |     Comente a questão no final dessa página:

 

 

 

Ano: 2017 CESPE UnB    Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco (TCE PE) Nível Superior  Prova: Conhecimentos Básicos - Cargos 1 e 2  Contabilidade Pública

 

prancheta

 

 

 


Q37312


 

Denomina-se mensuração o processo contábil que consiste em determinar e apresentar os valores referentes a itens do ativo e do passivo, mediante o emprego de métodos qualitativos e quantitativos. A respeito da mensuração dos ativos e passivos, julgue o item que se segue.

Os ativos obtidos a título gratuito devem ser registrados pelo seu preço presumido.

 

(C) Certo

 

 

(E) Errado

 

 

resolver    |     Comente a questão no final dessa página:

 

 

 

Ano: 2017 CESPE UnB    Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco (TCE PE) Nível Superior  Prova: Conhecimentos Básicos - Cargos 1 e 2  Contabilidade Pública Demonstrações Contábeis, Demonstração das Variações Patrimoniais - DVP

 

prancheta

 

 

 


Q37311


 

De acordo com o Manual de Contabilidade Aplicada ao Setor Público (MCASP), é do escopo da contabilidade prover as informações relativas à administração patrimonial, financeira e orçamentária necessárias para que sejam conhecidos adequadamente a composição patrimonial e os resultados econômicos e financeiros das entidades públicas. Nesse contexto, julgue o item subsequente.

As variações patrimoniais devem ser reveladas pela contabilidade mesmo quando não resultem de execução orçamentária.

 

(C) Certo

 

 

(E) Errado

 

 

resolver    |     Comente a questão no final dessa página:

 

 

 

Ano: 2017 CESPE UnB    Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco (TCE PE) Nível Superior  Prova: Conhecimentos Básicos - Cargos 1 e 2  Contabilidade Pública Etapas e Estágios da Receita Orçamentária, Ingressos e Dispêndios Públicos

 

prancheta

 

 

 


Q37310


 

De acordo com o Manual de Contabilidade Aplicada ao Setor Público (MCASP), é do escopo da contabilidade prover as informações relativas à administração patrimonial, financeira e orçamentária necessárias para que sejam conhecidos adequadamente a composição patrimonial e os resultados econômicos e financeiros das entidades públicas. Nesse contexto, julgue o item subsequente.

É correto utilizar o momento do lançamento para determinar a data da ocorrência do fato gerador no âmbito de uma atividade tributária.

 

(C) Certo

 

 

(E) Errado

 

 

resolver    |     Comente a questão no final dessa página:

 

 

 

Ano: 2017    Universidade Estadual de Maringá (UEM) Nível Superior  Prova: Contador  Contabilidade Pública Procedimentos Contábeis Patrimoniais, Sistema de Informações de Custos no Setor Público - SICSP

 

prancheta

 

 

 


Q33171


 

O subsistema de custos definido pela Norma Brasileira de Contabilidade Aplicada ao Setor Público deve proporcionar informações, dentre outras, sobre 

 

a)  condução de políticas públicas. 

 

 

b)  racionalização de procedimentos.  

 

 

c)  otimização dos recursos públicos.  

 

 

d)  subsídios obtidos pela administração. 

 

 

e)  melhoria do processo de accountability. 

 

 

resolver    |     Comente a questão no final dessa página:

 

 

 

Ano: 2017    Universidade Estadual de Maringá (UEM) Nível Superior  Prova: Contador  Contabilidade Pública Contas Contábeis, Sistema Contábil

 

prancheta

 

 

 


Q33170


 

Nos procedimentos para o encerramento das variações patrimoniais, são apuradas as alterações ocorridas no patrimônio de forma ativa e de forma passiva. A conta de resultados acumulados que recebeu as transferências dos saldos das contas de variações patrimoniais proporciona um saldo que representa o resultado  

 

a)  das contas de compensação.  

 

 

b)  orçamentário do exercício.

 

 

c)  administrativo do exercício.  

 

 

d)  patrimonial do exercício.  

 

 

e)  do patrimônio líquido.

 

 

resolver    |     Comente a questão no final dessa página:

 

 

 

Ano: 2017    Universidade Estadual de Maringá (UEM) Nível Superior  Prova: Contador  Contabilidade Pública Demonstrações Contábeis, Balanço Financeiro - BF

 

prancheta

 

 

 


Q33169


 

Os balanços orçamentário, financeiro e patrimonial são conceituados com um quadro de contabilidade com duas seções. Qual é a conta que iguala as duas seções no balanço financeiro?  

 

a) Resultados previsto e realizado.  

 

 

b)  Resultado acumulado.  

 

 

c)  Patrimônio líquido.  

 

 

d)  Saldo de caixa. 

 

 

e)  Dívida pública.  

 

 

resolver    |     Comente a questão no final dessa página:

 

 

 

Ano: 2017    Universidade Estadual de Maringá (UEM) Nível Superior  Prova: Contador  Contabilidade Pública Lançamento e Registro Contábil, Sistema Contábil

 

prancheta

 

 

 


Q33168


 

Assinale a alternativa que apresenta a escrituração para fins de encerramento de contas referente à economia orçamentária no valor de R$ 8.000,00, ocorrida no exercício como saldo da dotação não empenhado.  

 

a)  D-Crédito utilizado; C-Crédito empenhado.  

 

 

b)  D-Crédito disponível; C-Dotação inicial.  

 

 

c)  D-Crédito empenhado; C-Crédito pago.  

 

 

d)  D-Crédito inicial; C-Receita corrente. 

 

 

e)  D-Crédito pago; C-Despesa corrente.

 

 

resolver    |     Comente a questão no final dessa página:

 

 

 

 

 

Compartilhe:» #spsconcursos.com - sem inscrição, sem cadastro e grátis

 

 

 

 

 

» Deseja alguma disciplina específica - escreva-nos!

 

» Se souber o resultado - resolva a questão (clique em comentários) - isso o ajudará a fixar melhor o assunto. A comunidade concurseira agradece!

 

 

»Veja outras Questões

 

 

 

 

treinamento com questões de raciocínio lógico

»Conhença as organizadoras de concursos

 

 

 

 

Deixe aqui seu comentário (com o número da Questão):