Apostilas para concursos 2017

30.430 Questões

8.395 vagas em concursos

 

 

Segunda-Feira, 25 de Setembro de 2017.

 

CETRO | Níveis Fundamental, Médio e Superior

» Prefeitura de Votuporanga (SP) abre concurso para 73 vagas

NUCEPE | Nível Médio

» Corpo de Bombeiros Militar do Piauí (CBM PI) abre concurso para 110 vagas

IESES | Nível Superior

» Instituto Geral de Perícias do Estado de Santa Catarina (IGP-SC) abre concurso para 51 vagas

 

Concursos da Vunesp

CONSULPLAN | Níveis Médio e Superior| Salários de R$ 6.376,41 a R$ 10.461,90

» TRE (RJ) abre concurso para 11 vagas e Cadastro de Reserva

 

Material de estudo para concursos

 

Enem teoria e exercícios

 

Exame Nacional de Ensino Médio (ENEM)-EXAME NACIONAL DE ENSINO MÉDIO - ENEM ( 4 Volumes )
Exame Nacional de Ensino Médio (ENEM)
EXAME NACIONAL DE ENSINO MÉDIO - ENEM ( 4 Volumes )

 

Últimas


Apostila Preparatória do Processo Seletivo SEE-SP (Edital 2017 em Breve)

Autorização para 1.495 vagas de nível médio


Apostila Preparatória SEE SP-AGENTE DE SERVIÇOS ESCOLARES-AGENTE DE ORGANIZAÇÃO ESCOLAR
Apostila Preparatória SEE SP
AGENTE DE SERVIÇOS ESCOLARES
AGENTE DE ORGANIZAÇÃO ESCOLAR

Salários de R$ 1.104,00- para Agente de Organização Escolar

Material de estudo para concursos

 

Enem teoria e exercícios

 

Exame Nacional de Ensino Médio (ENEM)-EXAME NACIONAL DE ENSINO MÉDIO - ENEM ( 4 Volumes )
Exame Nacional de Ensino Médio (ENEM)
EXAME NACIONAL DE ENSINO MÉDIO - ENEM ( 4 Volumes )

 

 

 

 

página com questões do Enem

Questões de Psiquiatria 2017

 

» Confira a lista de concursos abertos

» Veja os últimos Concursos publicados

 

Questões para Praticar

 

» Para um melhor aproveitamento - resolva as questões - anote sua altenativa e depois confira os gabaritos.

» Para interagir com as questões - utilize - FireFox ou Chrome.

 

 

 

Se não sabes, aprende; se já sabes, ensina.

Confúcio

 

 

 

Ano: 2016 FAURGS    Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Sul (TJ RS) Nível Superior  Prova: Médico Psiquiatra  Psiquiatria

 

prancheta

 

 

 


Q19534


 

Paciente de 29 anos de idade busca atendimento por sintomas depressivos há cerca de sete semanas. Queixa-se de anedonia, hipersonia, aumento de apetite, fadiga, sentimentos de culpa e pensamentos de morte, porém nega ideação suicida. Afirma que já teve sintomas depressivos no passado, porém nunca nessa intensidade e por tanto tempo. Afirma também que alguns desses períodos depressivos eram seguidos de outros em que se sentia bastante animada e falante, em que precisava dormir menos do que o habitual, tornando-se inclusive bem mais produtiva no trabalho, a ponto de colegas comentarem sua alteração de comportamento. Não havia feito nenhum tipo de tratamento psiquiátrico até duas semanas atrás quando seu clínico geral prescreveu-lhe amitriptilina. Afirma que, desde então, tem notado aumento de ansiedade e irritabilidade, sem apresentar qualquer melhora. Nega uso de drogas ou outros problemas de saúde. Refere história familiar de depressão e suicídio.

Com relação ao quadro acima, assinale a alternativa que apresenta a conduta terapêutica mais adequada. 

 

 

a)  Iniciar benzodiazepínico em dose baixa para controle da ansiedade e irritabilidade associadas ao início do antidepressivo e reavaliar a paciente, após duas semanas, explicando-lhe que a melhora só ocorre após 4-6 semanas de tratamento.  

 

 

b)  Suspender amitriptilina e iniciar quetiapina. 

 

 

c)  Suspender amitriptilina e iniciar ácido valproico.  

 

 

d)  Suspender amitriptilina e iniciar paroxetina.  

 

 

e)  Manter amitriptilina e iniciar olanzapina em associação.

 

 

resolver    |     Comente a questão

 

 

 

Ano: 2016 FAURGS    Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Sul (TJ RS) Nível Superior  Prova: Médico Psiquiatra  Psiquiatria

 

prancheta

 

 

 


Q19533


 

Mulher de 40 anos de idade vem para avaliação trazida por familiares. Eles relatam que a paciente vem apresentando comportamento agressivo e irritável, condutas socialmente inadequadas, perda de memória, dificuldade de planejamento e falta de motivação. Ela tem história familiar de quadros semelhantes, com idade de início entre 40-50 anos de idade. Qual o diagnóstico mais provável neste caso?  

 

a)  Demência vascular. 

 

 

b)  Doença de Alzheimer. 

 

 

c)  Doença de Pick.  

 

 

d)  Doença de de Creutzfeldt-Jakob. 

 

 

e)  Demência associada ao HIV.

 

 

resolver    |     Comente a questão

 

 

 

Ano: 2016 FAURGS    Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Sul (TJ RS) Nível Superior  Prova: Médico Psiquiatra  Psiquiatria

 

prancheta

 

 

 


Q19532


 

Qual, dentre as alternativas abaixo, apresenta sintomas precoces da intoxicação pelo lítio?

 

a)  Tremor grosseiro, ataxia e disartria.  

 

 

b)  Sedação, desorientação e tremor de extremidades. 

 

 

c)  Disartria, diarreia e desorientação. 

 

 

d)  Fasciculações musculares, oligúria e nistagmo.  

 

 

e)  Tontura, poliúria e tremor de extremidades.

 

 

resolver    |     Comente a questão

 

 

 

Ano: 2016 FAURGS    Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Sul (TJ RS) Nível Superior  Prova: Médico Psiquiatra  Psiquiatria

 

prancheta

 

 

 


Q19531


 

Qual dos fatores abaixo relacionados está mais associado à fuga dissociativa?

 

a)  História de trauma cerebral. 

 

 

b)  História de abuso sexual.  

 

 

c)  Puerpério.  

 

 

d)  Gênero feminino. 

 

 

e)  História prévia de depressão. 

 

 

resolver    |     Comente a questão

 

 

 

Ano: 2016 FAURGS    Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Sul (TJ RS) Nível Superior  Prova: Médico Psiquiatra  Psiquiatria

 

prancheta

 

 

 


Q19530


 

Criança com diagnóstico de Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH) é medicada com metilfenidato, apresentando boa resposta. Após alguns meses de tratamento, começa a apresentar tiques motores e vocais. Qual a melhor conduta nesse caso? 

 

a)  Reduzir a dose de metilfenidato.  

 

 

b)  Substituir a medicação por atomoxetina. 

 

 

c)  Adicionar haloperidol. 

 

 

d)  Adicionar um benzodiazepínico.  

 

 

e)  Adicionar ácido valproico. 

 

 

resolver    |     Comente a questão

 

 

 

Ano: 2016 FAURGS    Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Sul (TJ RS) Nível Superior  Prova: Médico Psiquiatra  Psiquiatria

 

prancheta

 

 

 


Q19529


 

Paciente de 37 anos de idade busca a Emergência por dor abdominal. Diz sofrer de dor crônica desde a adolescência, com história de múltiplas cirurgias abdominais que não contribuíram para reduzir suas queixas de dor. Exame físico, sinais vitais e exames laboratoriais, incluindo exame qualitativo de urina e hemograma, estão dentro da normalidade. Após ser liberada, é encaminhada para tratamento ambulatorial com clínico geral. Assinale a alternativa que apresenta a estratégia que NÃO consta entre as recomendações clínicas para o tratamento ambulatorial dessa paciente. 

 

a)  Indicação de visitas regulares e frequentes ao clínico para monitorar queixas somáticas.  

 

 

b)  Restrição da prescrição de medicações com potencial de abuso.  

 

 

c)  Monitoramento de sintomas físicos com uso limitado de procedimentos diagnósticos invasivos. 

 

 

d)  Identificação de fontes de estresse e encorajamento do uso de mecanismos adaptativos saudáveis. 

 

 

e)  Prescrição de antidepressivo e encaminhamento para psicoterapia de orientação analítica.

 

 

resolver    |     Comente a questão

 

 

 

Ano: 2016 FAURGS    Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Sul (TJ RS) Nível Superior  Prova: Médico Psiquiatra  Psiquiatria

 

prancheta

 

 

 


Q19528


 

De acordo com o DSM5, assinale a alternativa que NÃO apresenta condição necessária para o diagnóstico de Transtorno de Sintomas Somáticos.

 

a)  Pensamentos desproporcionais acerca da gravidade dos sintomas somáticos. 

 

 

b)  Tempo e energia excessivos dedicados aos sintomas somáticos ou preocupações com a saúde. 

 

 

c)  Estado sintomático persistente, durando em geral mais do que seis meses.  

 

 

d)  Queixas somáticas começando antes dos 30 anos de idade. 

 

 

e)  Ansiedade elevada acerca da saúde. 

 

 

resolver    |     Comente a questão

 

 

 

Ano: 2016 FAURGS    Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Sul (TJ RS) Nível Superior  Prova: Médico Psiquiatra  Psiquiatria

 

prancheta

 

 

 


Q19527


 

Com relação à síndrome de abstinência alcoólica, assinale a alternativa que apresenta indicação de internação em hospital clínico geral.  

 

a)  Desorientação temporal.  

 

 

b)  Agitação psicomotora.  

 

 

c)  Taquicardia. 

 

 

d)  Convulsão. 

 

 

e)  Tontura. 

 

 

resolver    |     Comente a questão

 

 

 

Ano: 2016 FAURGS    Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Sul (TJ RS) Nível Superior  Prova: Médico Psiquiatra  Psiquiatria

 

prancheta

 

 

 


Q19526


 

Homem de 51 anos de idade é trazido à Emergência após episódio de convulsão. Tem história de uso crônico de álcool. Apresenta-se agitado, com tremores de extremidades, taquicardia e sudorese. Refere não ter conseguido dormir nas últimas noites.

Qual a combinação de condutas mais adequada para o caso acima descrito? 

 

 

a)  Prescrever diazepam, tiamina IM e estimular hidratação oral. 

 

 

b)  Prescrever propranolol, diazepam e hidratação EV.  

 

 

c)  Prescrever clonidina, tiamina IM e lorazepam.  

 

 

d)  Prescrever diazepam, clorpromazina e soro glicosado.  

 

 

e)  Prescrever diazepam, propranolol e tiamina VO. 

 

 

resolver    |     Comente a questão

 

 

 

Ano: 2016 FAURGS    Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Sul (TJ RS) Nível Superior  Prova: Médico Psiquiatra  Psiquiatria

 

prancheta

 

 

 


Q19525


 

Ao receber diagnóstico de câncer, o paciente experiencia um processo de luto no qual passa por estágios em que prevalecem determinados tipos de emoção. No caso de uma mulher de 37 anos de idade, recentemente diagnosticada com câncer de mama, qual dos seguintes estágios do processo de luto tende a ocorrer inicialmente?

 

a)  Estágio da raiva.  

 

 

b)  Estágio da negação.

 

 

c)  Estágio da barganha. 

 

 

d)  Estágio da depressão.  

 

 

e)  Raiva, negação, barganha e depressão são estágios cuja sequência pode variar conforme o paciente.

 

 

resolver    |     Comente a questão

 

 

 

Ano: 2016 FAURGS    Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Sul (TJ RS) Nível Superior  Prova: Médico Psiquiatra  Psiquiatria

 

prancheta

 

 

 


Q19524


 

Momentos antes de apresentar-se em público, um universitário de 22 anos de idade apresenta episódio de extrema ansiedade com taquicardia, tremor de extremidades e diaforese. Nas semanas seguintes, sente-se paralisado por medo toda vez que precisa falar em público, o que prejudica significativamente sua vida acadêmica. Qual o diagnóstico mais provável?

 

a)  Transtorno de estresse agudo. 

 

 

b)  Transtorno do pânico.  

 

 

c)  Transtorno de ansiedade social. 

 

 

d)  Fobia específica.  

 

 

e)  Transtorno de ansiedade generalizada.  

 

 

resolver    |     Comente a questão

 

 

 

Ano: 2016 FAURGS    Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Sul (TJ RS) Nível Superior  Prova: Médico Psiquiatra  Psiquiatria

 

prancheta

 

 

 


Q19523


 

Mulher de 19 anos de idade é hospitalizada por desidratação secundária ao uso de laxativos. Apresenta sintomas depressivos e declara que usa laxativos porque, como já teve episódios de compulsão alimentar, preocupa-se com o ganho de peso. Apesar de muito magra, sente-se gorda; refere também amenorreia. Qual o diagnóstico mais provável?  

 

a)  Bulimia.  

 

 

b)  Anorexia.  

 

 

c)  Transtorno dismórfico corporal. 

 

 

d)  Transtorno delirante. 

 

 

e)  Depressão maior. 

 

 

resolver    |     Comente a questão

 

 

 

Ano: 2016 FAURGS    Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Sul (TJ RS) Nível Superior  Prova: Médico Psiquiatra  Psiquiatria

 

prancheta

 

 

 


Q19522


 

Senhora de 80 anos de idade, com transtorno depressivo recorrente, apresenta, no momento, episódio depressivo grave com lentificação psicomotora, desnutrição grave, ideação suicida e delírios de ruína. Foi descartada qualquer causa orgânica para quadro clínico. Qual o tratamento mais adequado? 

 

a)  Inibidor seletivo da recaptação da serotonina. 

 

 

b)  Inibidor da recaptação de serotonina e noradrenalina.  

 

 

c)  Antidepressivo tricíclico.  

 

 

d)  Associação de um inibidor seletivo da recaptação da serotonina e um antipsicótico atípico.  

 

 

e)  Eletroconvulsoterapia.

 

 

resolver    |     Comente a questão

 

 

 

Ano: 2016 FAURGS    Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Sul (TJ RS) Nível Superior  Prova: Médico Psiquiatra  Psiquiatria

 

prancheta

 

 

 


Q19521


 

Na diferenciação entre síndrome demencial e síndrome depressiva, que aspecto clínico observado durante a entrevista é mais sugestivo de síndrome depressiva? 

 

a)  Dificuldade de concentração. 

 

 

b)  Déficit de autocuidado. 

 

 

c)  Pouco esforço ao exame cognitivo.

 

 

d)  Prejuízo de memória de curto prazo.  

 

 

e)  Pouco insight a respeito de suas dificuldades.

 

 

resolver    |     Comente a questão

 

 

 

Ano: 2016 FAURGS    Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Sul (TJ RS) Nível Superior  Prova: Médico Psiquiatra  Psiquiatria

 

prancheta

 

 

 


Q19520


 

Com relação ao suicídio, assinale a alternativa que apresenta seu principal fator de risco. 

 

a)  História de tentativa prévia de suicídio. 

 

 

b)  História familiar de tentativa de suicídio. 

 

 

c)  Abuso de álcool/drogas. 

 

 

d)  Doença clínica grave ou crônica.  

 

 

e)  História de trauma ou abuso.

 

 

resolver    |     Comente a questão

 

 

 

Ano: 2016 FAURGS    Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Sul (TJ RS) Nível Superior  Prova: Médico Psiquiatra  Psiquiatria

 

prancheta

 

 

 


Q19519


 

Mulher com 21 anos de idade apresenta há três dias humor predominantemente irritável, diminuição da necessidade de sono, taquilalia, aumento de energia e atenção hipervigil e hipotenaz. Não tem delírios ou alucinações, no entanto, encontra-se paranoide. Apresenta história familiar de transtornos psiquiátricos. Os exames toxicológicos são negativos. Considerando essas características clínicas, qual a melhor opção farmacológica para o tratamento do episódio agudo?  

 

a)  Lítio. 

 

 

b)  Ácido valproico. 

 

 

c)  Topiramato. 

 

 

d)  Olanzapina. 

 

 

e)  Haloperidol. 

 

 

resolver    |     Comente a questão

 

 

 

Ano: 2016 FAURGS    Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Sul (TJ RS) Nível Superior  Prova: Médico Psiquiatra  Psiquiatria

 

prancheta

 

 

 


Q19518


 

Paciente com diagnóstico de esquizofrenia há 30 anos, em uso de haloperidol 20mg/dia, apresenta movimentos repetitivos e involuntários periorais e de extremidades, marcha parkinsoniana e tremor de extremidades.

Qual a conduta mais adequada?

 

 

a)  Diminuir a dose de haloperidol. 

 

 

b)  Diminuir a dose de haloperidol e prescrever uma dose de biperideno IM. 

 

 

c)  Manter a dose de haloperidol e associar biperideno VO. 

 

 

d)  Substituir haloperidol por risperidona.  

 

 

e)  Substituir haloperidol por clozapina. 

 

 

resolver    |     Comente a questão

 

 

 

Ano: 2016 FAURGS    Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Sul (TJ RS) Nível Superior  Prova: Médico Psiquiatra  Psiquiatria

 

prancheta

 

 

 


Q19517


 

Um homem de 59 anos de idade perdeu a esposa em um acidente de carro há três meses. Relata dificuldade para dormir, emagrecimento, tristeza e sentimentos de culpa. Deixou de trabalhar e fica o tempo todo em casa, apesar das tentativas dos filhos de envolvê-lo em outras atividades. Nos últimos dias, refere ouvir a voz da esposa chamando-o; o paciente chega a apresentar solilóquios; acredita firmemente que seu corpo está se decompondo. Apresenta afeto embotado e, por vezes, conduta alucinatória. Qual o diagnóstico mais provável? 

 

a)  Depressão psicótica.  

 

 

b)  Esquizofrenia. 

 

 

c)  Transtorno esquizofreniforme. 

 

 

d)  Transtorno de estresse pós-traumático. 

 

 

e)  Transtorno de ajustamento.

 

 

resolver    |     Comente a questão

 

 

 

Ano: 2016 FAURGS    Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Sul (TJ RS) Nível Superior  Prova: Médico Psiquiatra  Psiquiatria

 

prancheta

 

 

 


Q19516


 

Paciente de 45 anos de idade queixa-se que, nos últimos dois meses, durante a maior parte do tempo, tem apresentado desânimo e tristeza. Refere ainda pouco apetite e perda de 5Kg nesse período, preocupações excessivas, pensamentos de morte, dificuldade de concentração e fadiga. Que sintoma deve necessariamente estar presente para que se estabeleça o diagnóstico de episódio depressivo, de acordo com o DSM5? 

 

a)  Humor deprimido. 

 

 

b)  Fadiga.

 

 

c)  Preocupações excessivas. 

 

 

d)  Perda de apetite.  

 

 

e)  Pensamentos de morte.

 

 

resolver    |     Comente a questão

 

 

 

Ano: 2016 FAURGS    Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Sul (TJ RS) Nível Superior  Prova: Médico Psiquiatra  Psiquiatria

 

prancheta

 

 

 


Q19515


 

Qual o efeito adverso mais comum em um adulto jovem que faz uso de um inibidor seletivo da recaptação de serotonina há alguns meses e que eventualmente ingere bebida alcoólica? 

 

a)  Sonolência.  

 

 

b)  Potencialização dos efeitos do álcool.  

 

 

c)  Náuseas e vômitos. 

 

 

d)  Disfunção sexual.

 

 

e)  Insônia inicial. 

 

 

resolver    |     Comente a questão

 

 

 

 

 

Compartilhe:» #spsconcursos.com - sem inscrição, sem cadastro e grátis

 

 

 

 

 

» Deseja alguma disciplina específica - escreva-nos!

 

» Se souber o resultado - resolva a questão (clique em comentários) - isso o ajudará a fixar melhor o assunto. A comunidade concurseira agradece!

 

 

»Veja outras Questões

 

 

 

 

Concursos da Vunesp

»Conhença as organizadoras de concursos

 

 

 

 

Concursos da Vunesp