Apostilas para concursos 2018

52.675 Questões

13.518 vagas em concursos

 

 

Sexta-Feira, 16 de Novembro de 2018.

 

QUADRIX | Nível Superior

» Conselho Regional de Psicologia da 6ª Região (CRP SP) abre concurso para 275 vagas

INSTITUTO MAIS | Níveis Médio e Superior

» Prefeitura de Santana De Parnaíba (SP) abre concurso para 1 vaga e cadastro de reserva

Instituto AOCP | Nível Médio

» Polícia Militar do Estado do Espírito Santo (PM ES) abre concurso para 417 vagas

 

Concursos da Vunesp

NUCEPE | Nível Médio| Provas Objetivas em 13/01/2019

» Guarda Civil Municipal de Teresina (PI) abre concurso para 75 vagas

 

Material de estudo para concursos

 

Confira nossas sugestões:

 

» Veja outras apostilas


 

 

 

Treinamento Liquigás

Questões FMP 2018

Questões de concursos anteriores FMP

 

 

Questões FMP para Praticar

 

» Para um melhor aproveitamento - resolva as questões - anote sua altenativa e depois confira os gabaritos.

 

 

 

As pessoas costumam dizer que a motivação não dura sempre. Bem, nem o efeito do banho, por isso recomenda-se diariamente.

Zig Ziglar

 

     

     

     

     

  • Direito Administrativo
  •  

    Q21810


    prancheta

     


    Ano: 2014 FMP    Procuradoria Geral do Estado do Acre (PGE AC) Nível Superior  Prova: Procurador do Estado  Direito Administrativo  Decreto nº 6.170-2007 - Transferência de Recursos da União mediante Convênios e Contratos de Repasse

     

     

     

       


      Convocado(a) a participar de uma reunião no Palácio Rio Branco, para discutir o Sistema de Gerenciamento de Convênios – SIGECON, na forma do Decreto estadual nº 3.024, de 16 de dezembro de 2011, marque a afirmativa mais compatível com o seu entendimento, por ser CORRETA.

       

      a)  “Excelência, as pessoas jurídicas de direito privado não podem ser cadastradas no SIGECON”.

       

       

      b)  “Excelência, com vista a selecionar projetos que tornem eficaz a execução do projeto, devemos realizar um chamamento público”.

       

       

      c)  “Excelência, a contrapartida será calculada sobre o valor nominal do objeto e poderá ser atendida por meio de recursos financeiros, mas não de bens ou serviços”.

       

       

      d)  “Excelência, os convênios e os termos de cooperação constituem exceção à aplicação do princípio da publicidade como elemento determinante da eficácia”.

       

       

      resolver    |     Comente a questão no final dessa página

     

Q21811


prancheta

 


Ano: 2014 FMP    Procuradoria Geral do Estado do Acre (PGE AC) Nível Superior  Prova: Procurador do Estado  Direito Administrativo  Organização da administração pública, Consórcios públicos

 

 

 

     


    Na mesma reunião, a pauta passou para o exame, ainda sob a ótica do Decreto estadual nº 3.024, de 16 de dezembro de 2011, dos termos de cooperação, convênios e consórcios, assinale a afirmação que poderia ser chancelada, por ser CORRETA.

     

    a)  “Não há vedação à celebração de convênio com um consórcio público, contudo, a transferência de recursos do Estado não é possível em caso de irregularidade por parte de algum dos entes consorciados, na forma do Decreto estadual. nº 3.024/2011”.

     

     

    b)  “Os consórcios, sob o regime de direito público, são uma forma eficaz de reunir esforços de distintos entes federativos para a compra de bens em parcelas sucessivas, é o caso do Consórcio de Desenvolvimento Intermunicipal do Alto Acre e Capixaba - CONDIAC”.

     

     

    c)  “Por se tratar de transferência de crédito de órgão da Administração Pública estadual para outro órgão da mesma esfera federativa, a posição é no sentido de que o convênio é o negócio jurídico administrativo mais adequado aos termos do Decreto estadual nº 3.024/2011”.

     

     

    d)  “Atuando conjuntamente o Estado e dois Municípios, entes públicos de distinta esfera federativa, a posição é no sentido de que o termo de cooperação seria a alternativa mais adequada às regras determinadas pelo Decreto estadual nº 3.024/2011”.

     

     

    resolver    |     Comente a questão no final dessa página

 

Q21812


prancheta

 


Ano: 2014 FMP    Procuradoria Geral do Estado do Acre (PGE AC) Nível Superior  Prova: Procurador do Estado  Direito Administrativo  Organização da administração pública, Entidades paraestatais ou terceiro setor

 

 

 

     


    Com relação às Organizações Sociais e às Organizações – OS da Sociedade Civil de Interesse Público – OSCIPs, assinale a afirmativa INCORRETA.

     

    a)  Nas OSCIPS, é vedada a remuneração para os dirigentes que exerçam funções de gestão executiva, mas é admitida a contrapartida por serviços prestados.

     

     

    b)  Pode ser efetivada permissão de uso de bens públicos em favor das OS, com dispensa de licitação, mediante cláusula expressa no Contrato de Gestão.

     

     

    c)  As OS devem ter um Conselho de Administração, no qual 20 a 40% de seus membros sejam representantes do Poder Público, na forma do estatuto.

     

     

    d)  As OS e as OSCIPS não estão dispensadas da prestação de contas e do controle externo.

     

     

    resolver    |     Comente a questão no final dessa página

 

Q21813


prancheta

 


Ano: 2014 FMP    Procuradoria Geral do Estado do Acre (PGE AC) Nível Superior  Prova: Procurador do Estado  Direito Administrativo  Conceito, classificação, afetação e desafetação, Bens Públicos

 

 

 

     


    X é um pescador e percorreu os Estados do Amazonas e do Acre, ambos banhados pelo Rio Tarauacá, seguindo a trilha de suas águas. Um dia, em Rio Branco, questionou o colega sobre aspectos referentes ao lindo rio que banha os dois Estados. De acordo com as informações acima e a classificação dos bens públicos, é CORRETO afirmar que

     

    a)  é um bem de uso comum do povo, sem dono porque as águas não são passíveis de apropriação.

     

     

    b)  é um bem de uso comum do povo, de propriedade da União.

     

     

    c)  é um bem de uso especial do Estado do Acre, onde está a sua nascente.

     

     

    d)  é um bem de uso comum do povo, de propriedade do Estado onde predominar o seu álveo.

     

     

    resolver    |     Comente a questão no final dessa página

 

Q21814


prancheta

 


Ano: 2014 FMP    Procuradoria Geral do Estado do Acre (PGE AC) Nível Superior  Prova: Procurador do Estado  Direito Administrativo  Utilização dos bens públicos, Bens Públicos

 

 

 

     


    Numa grande área situada no Município de Sena Madureira – AC, de propriedade do Estado do Acre, um conjunto de pessoas sem moradia se estabeleceu, há mais de vinte anos, de forma pacífica, dividindo a área em frações que não excedem 250m2 atribuídas aos ocupantes que não tivessem nenhum outro imóvel. Preocupado com a insegurança jurídica, o Presidente da Associação de Moradores, que hoje também forma uma próspera Cooperativa de Extrativismo Sustentável, foi procurar uma solução na PGE-AC. Qual dentre as soluções abaixo é a CORRETA?

     

    a)  É viável, em princípio, a concessão de uso especial para fins de moradia.

     

     

    b)  É inviável a regularização, uma vez que os bens públicos são res extra patrimonium nostrum.

     

     

    c)  É viável, em princípio, a usucapião extraordinária, uma vez que estão presentes o tempo, o ânimo e a posse.

     

     

    d)  É inviável a regularização da atribuição de poderes sobre quaisquer áreas públicas sem licitação, pois ofenderia a Lei nº 8.666/1993.

     

     

    resolver    |     Comente a questão no final dessa página

 

Q21815


prancheta

 


Ano: 2014 FMP    Procuradoria Geral do Estado do Acre (PGE AC) Nível Superior  Prova: Procurador do Estado  Direito Administrativo  Conceito, classificação, afetação e desafetação, Bens Públicos

 

 

 

     


    A Terra Indígena do Rio Gregório é uma área habitada pelos índios Katukina, em Tarauacá - AC. As terras tradicionalmente ocupadas por comunidades indígenas, genericamente, indicam a seguinte alternativa como opção CORRETA:

     

    a)  são bens públicos afetados ao domínio privado e imprescritíveis.

     

     

    b)  são bens tombados e compõem o patrimônio histórico dos Estados onde estiverem localizadas.

     

     

    c)  são bens públicos sobre os quais recai usufruto legal em favor das comunidades.

     

     

    d)  são bens dominicais sujeitos a uso especial e inalienabilidade.

     

     

    resolver    |     Comente a questão no final dessa página

 

Q21816


prancheta

 


Ano: 2014 FMP    Procuradoria Geral do Estado do Acre (PGE AC) Nível Superior  Prova: Procurador do Estado  Direito Administrativo  Noções gerais e desapropriação, Servidão administrativa, Requisição administrativa

 

 

 

     


    Analisando a intervenção do Estado na propriedade privada, é INCORRETO afirmar que:

     

     

    a)  a requisição administrativa, diante de perigo público, assegura indenização ulterior, caso seja constatada a existência de dano.

     

     

    b)  a ocupação temporária não comporta indenização, desde que efetivada de forma regular.

     

     

    c)  a servidão administrativa impõe indenização, quando importar em limitação expressiva ao conteúdo da propriedade.

     

     

    d)  a desapropriação por interesse social não impõe que o bem expropriado seja retido no patrimônio do Poder Público.

     

     

    resolver    |     Comente a questão no final dessa página

 

Q21817


prancheta

 


Ano: 2014 FMP    Procuradoria Geral do Estado do Acre (PGE AC) Nível Superior  Prova: Procurador do Estado  Direito Administrativo  Tombamento, Intervenção do estado na propriedade

 

 

 

     


    Um imóvel, nas proximidades da Casa Blanca, em Xapuri – AC, onde teria morado um importante cronista esportivo nascido na cidade, foi tombado como patrimônio cultural, histórico e arquitetônico. Sobre o tombamento, é CORRETO afirmar que o ato

     

    a)  não retira a propriedade do titular e não tem a indenização como requisito de validade.

     

     

    b)  não retira a propriedade do titular, mas só tem eficácia se previamente indenizado.

     

     

    c)  retira a propriedade do titular, mas está sujeito à prévia indenização.

     

     

    d)  retira a propriedade do titular e não está sujeito à indenização.

     

     

    resolver    |     Comente a questão no final dessa página

 

Q21818


prancheta

 


Ano: 2014 FMP    Procuradoria Geral do Estado do Acre (PGE AC) Nível Superior  Prova: Procurador do Estado  Direito Administrativo  Noções gerais e desapropriação, Intervenção do estado na propriedade

 

 

 

     


    Na construção de um trecho da Rodovia Interoceânica foi utilizada área pertencente a particular. Uma vez que não teria sido efetivado o procedimento desapropriatório, a hipótese seria de desapropriação indireta, na qual o prazo prescricional é de:

     

    a)  3 anos.

     

     

    b)  5 anos.

     

     

    c)  10 anos.

     

     

    d)  15 anos.

     

     

    resolver    |     Comente a questão no final dessa página

 

Q21819


prancheta

 


Ano: 2014 FMP    Procuradoria Geral do Estado do Acre (PGE AC) Nível Superior  Prova: Procurador do Estado  Direito Administrativo  Previsão constitucional e elementos da responsabilidade civil objetiva do Estado, Responsabilidade civil do estado

 

 

 

     


    Z é estrangeiro e separado de A, brasileira, com quem teve duas filhas brasileiras (Z.A. e A.Z.); muito perturbado com a separação, pegou as meninas num dia determinado para visitação, alegando que iria levá-las à decisão do campeonato estadual de futebol, no ano de 2011, para torcer pelo Plácido de Castro F.C. Fardou-as com o uniforme tricolor e saiu com as meninas. Contudo, aproveitando-se da situação, Z cruzou a aduana e, da Bolívia, levou as meninas para o seu país de origem, no qual as leis são altamente desfavoráveis às mulheres, gerando uma longa disputa, ainda não solucionada. Em razão disso, a mãe ficou impossibilitada de reaver a guarda das filhas e até mesmo de exercer o direito de visitação ao longo de tal período. Na esfera do direito administrativo, assinale a afirmativa INCORRETA.

     

    a)  O funcionamento anormal do serviço (faute du service) gera a responsabilidade do Poder Público no caso de fiscalização da saída de menores na fronteira.

     

     

    b)  A higidez do curso causal hipotético impõe o exame dos parâmetros objetivos do serviço de fiscalização de fronteira.

     

     

    c)  Há responsabilidade solidária entre o Município, o Estado e a União porque houve ofensa à dignidade humana.

     

     

    d)  O caso fortuito não é aplicável à hipótese em questão, uma vez que não seria válida a argumentação de que o estrangeiro possa ter evitado o controle aduaneiro.

     

     

    resolver    |     Comente a questão no final dessa página

 

 

 

Compartilhe:» #spsconcursos.com - sem inscrição, sem cadastro e grátis

 

 

 

 

 

» Se souber o resultado - resolva a questão (clique em comentários) - isso o ajudará a fixar melhor o assunto. A comunidade concurseira agradece!

 

 

»Veja outras Questões

 

 

 

 

»Conhença as organizadoras de concursos

 

 

 

 



página com questões do Enem

Deixe aqui seu comentário (com o número da Questão):

 

 

 

 

 

 

Wildcard SSL Certificates