Apostilas para concursos 2018

47.495 Questões

17.579 vagas em concursos

 

 

Quinta-Feira, 16 de Agosto de 2018.

UPENET | Níveis Médio e Superior de Escolaridade

» Polícia Militar de Pernambuco (PM PE) abre concurso para 580 vagas

 

UFG | Níveis Médio e Superior

» Câmara Municipal de Goiânia (GO) abre concurso para 75 vagas

VUNESP | Nível Médio

» Polícia Militar do Estado de São Paulo (PM SP) abre concurso para 2.700 vagas

CAIPIMES | Níveis Fundamental e Médio

» Prefeitura de Santo André (SP) abre concurso para 18 vagas

 

Concursos da Vunesp

UECE | Nível Superior| Professor de várias disciplinas

» Secretaria de Educação do Ceará abre concurso para 2.500 vagas

 

Material de estudo para Concursos de Enfermagem 2018

 

 

 

Série Médica-ENFERMEIRO
Série Médica
ENFERMEIRO

 

Material de estudo para Concursos de Enfermagem 2018

 

 

 

Série Médica-TÉCNICO EM ENFERMAGEM
Série Médica
TÉCNICO EM ENFERMAGEM

 

Material de estudo para Concursos de Enfermagem 2018

 

 

 

Série Médica-TÉCNICO EM ODONTOLOGIA
Série Médica
TÉCNICO EM ODONTOLOGIA

 

 

 

 

Material de estudo para Concursos de Enfermagem 2018

 

 

 

Série Médica-TÉCNICO DE LABORATÓRIO
Série Médica
TÉCNICO DE LABORATÓRIO

 

Treinamento de Engermagem

Questões de Enfermagem para Concursos - Doenças Crônicas

Treine para prova sem medo, sem surpresas sem pegadinhas! Somente a prática leva a perfeição...

 

 

 

 

 

» Confira a lista de concursos abertos

» Veja os últimos concursos publicados

 

 

 

Questões de Enfermagem - Doenças Crônicas

 

» Para um melhor aproveitamento - resolva as questões - anote sua altenativa e depois confira os gabaritos.

» Para interagir com as questões - utilize - FireFox ou Chrome.

 

 

 

Uma pequena fé levará tua alma ao céu; uma grande fé trará o céu para sua alma.

Charles Spurgeon

 

 

 

  • Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC)
  •  

    Q40386


    prancheta

     


    Ano: 2018    Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) Nível Superior   Enfermagem Doenças Renais, Doenças Crônicas Não Transmissíveis Cargo: Enfermeiro

     


    Sobre a insuficiência renal crônica (IRC), analise as afirmativas abaixo e assinale a alternativa correta.

    I. A taxa de filtração glomerular (TFG) reduzida estimula o eixo renina-angiotensina e provoca um aumento da secreção de aldosterona, elevando a pressão arterial.

    II. As infecções urinárias de repetição e o uso de anti-inflamatórios não esteroidais são as duas causas mais frequentes de IRC.

    III. Hipocalemia, acidose, hipermagnesemia e hipercalcemia são os distúrbios hidroeletrolíticos e acidobásicos mais frequentes na IRC.

    IV. Dentre os cuidados com um paciente que tem fístula arteriovenosa (FAV), destacam-se evitar garroteamento do membro e evitar punções no membro onde está a FAV.

    V. Entre as atribuições do(a) enfermeiro(a) junto à pessoa com IRC em sessão de hemodiálise, destacam-se monitoração contínua, detecção de anormalidades e uma rápida e eficiente intervenção na ocorrência de complicações.


      a) Somente as afirmativas III, IV e V estão corretas. 

     


       b) Somente as afirmativas I, IV e V estão corretas.

     


       c) Somente as afirmativas I, II e V estão corretas.

     


       d) Somente as afirmativas II, III e IV estão corretas. 

     


       e) Somente as afirmativas I, III e IV estão corretas.

     

     

    resolver    |     Comente a questão

     

     

     

    Q40385


    prancheta

     


    Ano: 2018    Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) Nível Superior   Enfermagem Doenças Cardiovasculares, Doenças Crônicas Não Transmissíveis Cargo: Enfermeiro

     


    Sobre a insuficiência cardíaca descompensada, analise as afirmativas abaixo e assinale a alternativa correta.

    I. É a primeira causa de internação entre as doenças cardiovasculares no Brasil.

    II. Dispneia, edema, congestão hepática e ascite são sinais de baixo débito cardíaco.

    III. Volume de líquidos excessivo, intolerância à atividade e fadiga são alguns dos seus diagnósticos de enfermagem.

    IV. Os diuréticos são indicados para aumentar a pré-carga e melhorar os sintomas de retenção hídrica.

    V. A diminuição da frequência cardíaca é um dos seus mecanismos compensatórios.


      a) Somente as afirmativas IV e V estão corretas. 

     


       b) Somente as afirmativas III e IV estão corretas.

     


       c) Somente as afirmativas II e IV estão corretas. 

     


       d) Somente as afirmativas I e III estão corretas. 

     


       e) Somente as afirmativas I e V estão corretas. 

     

     

    resolver    |     Comente a questão

     

     

     

    Q40402


    prancheta

     


    Ano: 2018    Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) Nível Médio   Enfermagem Diabetes Mellitus, Doenças Crônicas Não Transmissíveis Cargo: Técnico de Enfermagem

     


    J.L.P., 44 anos, masculino, com diagnóstico recente de diabetes mellitus, iniciou tratamento com insulina há duas semanas. Nos últimos dois dias, não está se alimentando adequadamente e teve dois episódios de tremores, sudorese, taquicardia e visão turva. Quanto ao quadro clínico apresentado por J.L.P., analise as afirmativas abaixo e assinale a alternativa correta.

    I. Os sinais de tremores, taquicardia e sudorese são manifestações de hipoglicemia.

    II. Deve-se administrar ao paciente alimentos contendo açúcar.

    III. A hipoglicemia caracteriza-se por níveis glicêmicos superiores a 70 mg/dL.

    IV. O exame de hemoglobina glicada (HbA1c) é o mais indicado para a detecção e o controle do diabetes mellitus, porque mensura a glicemia de cerca de três meses anteriores à coleta.


      a) Somente as afirmativas I, II e III são verdadeiras. 

     


       b) Somente as afirmativas II e IV são verdadeiras. 

     


       c) Somente as afirmativas III e IV são verdadeiras.

     


       d) Todas as afirmativas são verdadeiras.

     


       e) Somente as afirmativas I, II e IV são verdadeiras.

     

     

    resolver    |     Comente a questão

     

     

     

    Q40401


    prancheta

     


    Ano: 2018    Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) Nível Médio   Enfermagem Doenças Cardiovasculares, Doenças Crônicas Não Transmissíveis Cargo: Técnico de Enfermagem

     


    O paciente R.D.S., internado na Clínica Médica com diagnóstico de hipertensão arterial, diabetes mellitus descompensada e angina pectoris, relata que está com uma leve dor epigástrica e nas costas. Considerando essa queixa em relação ao quadro clínico do paciente, é correto afirmar que:


      a) no infarto agudo do miocárdio, o paciente sempre tem dor retroesternal irradiada para ombro e mandíbula.

     


       b) no infarto agudo do miocárdio, a pressão arterial deve estar aumentada. 

     


       c) as enzimas troponinas estão diminuídas no infarto agudo do miocárdio.

     


       d) a cianose de extremidades é um sinal muito frequente no infarto agudo do miocárdio.

     


       e) o infarto agudo do miocárdio em pacientes diabéticos pode se manifestar com sintomas atípicos. 

     

     

    resolver    |     Comente a questão

     

     

     

  • Universidade Federal de Uberlândia (UFU)
  •  

    Q42416


    prancheta

     


    Ano: 2018    Universidade Federal de Uberlândia (UFU) Nível Superior   Enfermagem Doenças Cardiovasculares, Doenças Crônicas Não Transmissíveis Cargo: Enfermeiro

     


    O impulso elétrico que se movimenta pelo coração pode ser visualizado por meio de eletrocardiografia, cujo produto final é um eletrocardiograma (ECG). Cada fase do ciclo cardíaco é refletida em forma de ondas, de complexos, de segmentos e de intervalos na tela de um monitor cardíaco ou em uma fita de papel gráfico (ECG).

    Assinale a alternativa que representa no ECG a repolarização ventricular. 


      a)  Complexo QRS.

     


       b)  Onda P.

     


       c)  Onda T. 

     


       d)  Onda U.

     

     

    resolver    |     Comente a questão

     

     

     

    Q42429


    prancheta

     


    Ano: 2018    Universidade Federal de Uberlândia (UFU) Nível Superior   Enfermagem Doenças Renais, Doenças Crônicas Não Transmissíveis Cargo: Enfermeiro

     


    Relacione o distúrbio hidroeletrolítico comum no distúrbio renal com a manifestação clínica correspondente.

    1.Déficit de potássio

    2. Excesso de sódio

    3. Excesso de bicarbonato

    4. Déficit de proteína

    I. Mucosas secas e pegajosas, sede, língua seca e áspera, febre, inquietação, fraqueza, desorientação.

    II. Respirações deprimidas, hipertonicidade muscular, tontura, formigamento dos dedos das mãos e dos pés.

    III. Perda de peso crônica, depressão emocional, palidez, fadiga, músculos flácidos e moles.

    IV. Anorexia, distensão abdominal, íleo paralítico, fraqueza muscular, alterações ECG, arritmias. 

    Assinale a alternativa correta.


      a)  1 e II; 2 e I; 3 e IV; 4 e III.

     


       b)  1 e IV; 2 e I; 3 e II; 4 e III.

     


       c)  1 e I; 2 e III; 3 e II; 4 e IV. 

     


       d)  1 e II; 2 e IV; 3 e III; 4 e I.

     

     

    resolver    |     Comente a questão

     

     

     

    Q42422


    prancheta

     


    Ano: 2018    Universidade Federal de Uberlândia (UFU) Nível Superior   Enfermagem Diabetes Mellitus, Doenças Crônicas Não Transmissíveis Cargo: Enfermeiro

     


    O Diabetes Mellitus (DM) é uma das doenças endócrinas mais comum.

    Assinale a alternativa que identifica, atualmente, o DM tipo 2. 


      a)  Causada por mecanismo autoimune, ocasionando disfunção da célula beta-pancreática e deficiência absoluta de insulina, acometendo, principalmente pacientes jovens de ambos os sexos.

     


       b)  Causado pela secreção anormal de insulina e pela disfunção do receptor, levando à resistência à insulina nos tecidos periféricos, encontrada na população de adultos obesos. 

     


       c)  É associada a outras endocrinopatias (Cushing, acromegalia e feocromicitoma), a defeitos genéticos das células beta-pancreáticas, ao abuso de drogas e a infecções

     


       d)  Causada por defeito genético, por resistência à insulina e por alterações no transporte de glicose; manifesta-se, geralmente, no segundo ou terceiro trimestre de gestação.

     

     

    resolver    |     Comente a questão

     

     

     

  • Universidade Federal de Alagoas (UFAL)
  •  

    Q46516


    prancheta

     


    Ano: 2018    Universidade Federal de Alagoas (UFAL) Nível Superior   Enfermagem Doenças Renais, Doenças Crônicas Não Transmissíveis Cargo: Enfermeiro

     


    A insuficiência renal consiste na deterioração progressiva e irreversível dos rins que não conseguem extrair os resíduos metabólicos do corpo nem realizar as funções reguladoras. Dentre as terapias de substituição da função renal, destaca-se a


      a)  hemortese.

     


       b)  hemodiálise.

     


       c)  diálise fistular.

     


       d)  hemodinâmica.

     


       e)  diálise quelante.

     

     

    resolver    |     Comente a questão

     

     

     

    Q46514


    prancheta

     


    Ano: 2018    Universidade Federal de Alagoas (UFAL) Nível Superior   Enfermagem Doenças Respiratórias, Doenças Crônicas Não Transmissíveis Cargo: Enfermeiro

     


    EAB, 61 anos, sexo feminino, está internada há 10 dias, na Clínica Médica de um hospital universitário para tratamento de acidente vascular cerebral (AVC). O enfermeiro responsável, ao realizar a visita, detecta que EAB está sonolenta, com sinais de secreção traqueobrônquica, pele e mucosa oral ressecada. Ao verificar os Sinais Vitais – SSVV, observou: T = 38,6 °C; P = 90 bpm; R = 25 rpm e PA = 120 X 75 mmHg. Sabendo que uma pessoa idosa, acamada por um longo período de tempo, está susceptível a doenças respiratórias, o enfermeiro chama o médico para avaliá-la, providencia os exames e detecta que a paciente está com pneumonia lobar bacteriana. O tratamento medicamentoso é iniciado. Nesse contexto, a enfermagem deve:

    I. colocar o paciente na posição de Fowler e monitorar a temperatura;

    II. fazer aspiração das VAS;

    III. auxiliar a paciente a deambular;

    IV. administrar anti-hipertensivos.

    Dos itens, verifica-se que está(ão) correto(s)


      a)  III, apenas.

     


       b)  I e II, apenas.

     


       c)  III e IV, apenas.

     


       d)  I, II e IV, apenas.

     


       e)  I, II, III e IV.

     

     

    resolver    |     Comente a questão

     

     

     

    Q46509


    prancheta

     


    Ano: 2018    Universidade Federal de Alagoas (UFAL) Nível Superior   Enfermagem Doenças Crônicas Não Transmissíveis Cargo: Enfermeiro

     


    As Doenças Crônicas Não Transmissíveis – DCNT constituem um grupo de doenças de maior magnitude no país, atingindo, especialmente, as populações mais vulneráveis, como as de baixa renda e escolaridade. O Plano para Ações Estratégicas para o Enfrentamento das DCNT visa preparar o Brasil para enfrentar e deter essas doenças até 2022 e inclui:

    I. contenção da obesidade em adultos;

    II. redução da mamografia nos 2 últimos anos para 50%;

    III. diminuição da mortalidade prematura (30 a 69 anos) por DCNT em 2% ao ano;

    IV. aumento da prevalência de tabagismo.

    Dos itens, verifica-se que estão corretos apenas


      a)  I e II.

     


       b)  I e III.

     


       c)  I e IV.

     


       d)  II e III.

     


       e)  II e IV.

     

     

    resolver    |     Comente a questão

     

     

     

    Q46507


    prancheta

     


    Ano: 2018    Universidade Federal de Alagoas (UFAL) Nível Superior   Enfermagem Doenças Respiratórias, Doenças Crônicas Não Transmissíveis Cargo: Enfermeiro

     


    A DPOC consiste em alterações clínicas, radiológicas, funcionais e patológicas do pulmão, que abrange doenças caracterizadas pela limitação crônica ao fluxo aéreo, devido ao aumento da resistência das vias aéreas e aprisionamento anormal de gás intratorácico, traduzido por uma dificuldade para expirar.

    questões de concursos Universidade Federal de Alagoas (UFAL) 2018

    Quais são essas doenças?


      a)  Bronquite e CA de pulmão.

     


       b)  Embolia pulmonar e asma.

     


       c)  Pneumonia e CA de pulmão.

     


       d)  Bronquite e enfisema pulmonar.

     


       e)  Tuberculose e enfisema pulmonar.

     

     

    resolver    |     Comente a questão

     

     

     

    Q46540


    prancheta

     


    Ano: 2018    Universidade Federal de Alagoas (UFAL) Nível Médio   Enfermagem Doenças Respiratórias, Outras Doenças Infecciosas e Parasitárias, Doenças Crônicas Não Transmissíveis Cargo: Técnico em Enfermagem

     


    Qual é a doença infecciosa aguda e transmissível cujo agente etiológico é o bacilo Bordetella pertussis e afeta o aparelho respiratório, com ênfase na traqueia e brônquios, tendo como característica a tosse seca?


      a)  Dengue.

     


       b)  Varicela.

     


       c)  Caxumba.

     


       d)  Coqueluche.

     


       e)  Chikungunya

     

     

    resolver    |     Comente a questão

     

     

     

    Q46538


    prancheta

     


    Ano: 2018    Universidade Federal de Alagoas (UFAL) Nível Médio   Enfermagem Doenças Respiratórias, Doenças Crônicas Não Transmissíveis Cargo: Técnico em Enfermagem

     


    Num quadro clínico de Edema Agudo de Pulmão (EAP), a administração de diurético tem o objetivo de


      a)  favorecer a respiração.

     


       b)  baixar a pressão arterial.

     


       c)  afastar o risco de infecção.

     


       d)  aumentar o retorno venoso.

     


       e)  aumentar a resistência periférica.

     

     

    resolver    |     Comente a questão

     

     

     

  • Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH)
  •  

    Q42961


    prancheta

     


    Ano: 2018 CESPE UnB    Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH) Nível Superior   Enfermagem Doenças Renais, Doenças Crônicas Não Transmissíveis Cargo: Enfermeiro - Nefrologia

     


    No que se refere à assistência de enfermagem ao paciente com lesão renal aguda (LRA), julgue o próximo item.

    Nas hemodiálises sem anticoagulação, recomenda-se a lavagem do sistema extracorpóreo com 100 mL a 200 mL de solução fisiológica a 0,9%, em intervalos de trinta minutos.

     


      (C) Certo

     


       (E) Errado

     

     

    resolver    |     Comente a questão

     

     

     

    Q42960


    prancheta

     


    Ano: 2018 CESPE UnB    Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH) Nível Superior   Enfermagem Doenças Renais, Doenças Crônicas Não Transmissíveis Cargo: Enfermeiro - Nefrologia

     


    No que se refere à assistência de enfermagem ao paciente com lesão renal aguda (LRA), julgue o próximo item.

    A peritonite é uma das complicações frequentes em diálise peritoneal, por isso é inviável a realização desse procedimento em domicílio.


      (C) Certo

     


       (E) Errado

     

     

    resolver    |     Comente a questão

     

     

     

    Q42959


    prancheta

     


    Ano: 2018 CESPE UnB    Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH) Nível Superior   Enfermagem Doenças Renais, Doenças Crônicas Não Transmissíveis Cargo: Enfermeiro - Nefrologia

     


    No que se refere à assistência de enfermagem ao paciente com lesão renal aguda (LRA), julgue o próximo item.

    É recomendada a avaliação do débito urinário do paciente a cada 24 horas, para identificação precoce de alteração da função renal.


      (C) Certo

     


       (E) Errado

     

     

    resolver    |     Comente a questão

     

     

     

    Q42958


    prancheta

     


    Ano: 2018 CESPE UnB    Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH) Nível Superior   Enfermagem Doenças Renais, Doenças Crônicas Não Transmissíveis Cargo: Enfermeiro - Nefrologia

     


    No que se refere à assistência de enfermagem ao paciente com lesão renal aguda (LRA), julgue o próximo item.

    Pressão arterial média maior que 65 mmHg viabiliza a perfusão renal.


      (C) Certo

     


       (E) Errado

     

     

    resolver    |     Comente a questão

     

     

     

    Q42956


    prancheta

     


    Ano: 2018 CESPE UnB    Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH) Nível Superior   Enfermagem Doenças Renais, Doenças Crônicas Não Transmissíveis Cargo: Enfermeiro - Nefrologia

     


    A respeito de infecção em serviços de diálise, julgue o item que se segue.

    Os dialisadores podem ser utilizados para o mesmo paciente por, no máximo, dez vezes, após esse dialisador ser submetido ao processamento automático, observando-se a medida mínima permitida do volume interno das fibras.


      (C) Certo

     


       (E) Errado

     

     

    resolver    |     Comente a questão

     

     

     

    Q42955


    prancheta

     


    Ano: 2018 CESPE UnB    Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH) Nível Superior   Enfermagem Doenças Renais, Doenças Crônicas Não Transmissíveis Cargo: Enfermeiro - Nefrologia

     


    A respeito de infecção em serviços de diálise, julgue o item que se segue.

    O profissional que não tenha apresentado soroconversão após a vacinação contra o vírus da hepatite B é proibido de atuar na sessão de hemodiálise e no processamento de dialisadores e das linhas arterial e venosa de pacientes com sorologia positiva para hepatite B.


      (C) Certo

     


       (E) Errado

     

     

    resolver    |     Comente a questão

     

     

     

    Q42954


    prancheta

     


    Ano: 2018 CESPE UnB    Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH) Nível Superior   Enfermagem Doenças Renais, Doenças Crônicas Não Transmissíveis Cargo: Enfermeiro - Nefrologia

     


    A respeito de infecção em serviços de diálise, julgue o item que se segue.

    A água captada da rede de fornecimento pública para a hemodiálise deve ser insípida, incolor e inodora, com pH de 6,0 a 9,5


      (C) Certo

     


       (E) Errado

     

     

    resolver    |     Comente a questão

     

     

     

     

     

    Compartilhe:» #spsconcursos.com - sem inscrição, sem cadastro e grátis

     

     

     

     

     

    »Conhença as organizadoras de concursos

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

    Wildcard SSL Certificates